SARDEGNA NEL CUORE: AMIGOS E AMANTES DA SARDENHA

21 jul

Para a eternidade e mesmo se cruze o mundo inteiro, a Sardenha permanece no coração dos sardos, nada pode os fazer esquecer as belezas e as pessoas daquela terra encantadora ………

Per l’eternità i, anche se si attraversa l’intero mondo, la Sardegna rimane nei cuori dei sardi, nulla può farci scordare le bellezze e la gente di questa incantevole terra………

Um dia encontrei este senhor no facebook. E de imediato  nossos corações seu uniram em torno de uma paixão chamada SARDENHA. e hoje escrevemos os encantos desta mítica terra. Dois fatos interessantes uni nosso fascínio pela ilha, ele por jamais ter ido à Sardenha e eu,  que já a amava esta terra antes de conhecê-la e descobrir que minhas raízes estavam fincadas ali.  Duas almas distantes da Sardenha., que confirma o disse Faber, a Andrea Parodi “NÃO SEI TU QUE DECIDE A QUE TERRA PERTENCE, E A TERRA QUE TE ESCOLHE….

“Enzo Gentile escreveu…”Eu me pergunto por que sou tão atraída pela Sardenha. Gosta tanto de pessoas da Sardenha. Mas o mar, apesar de ter passado metade da minha vida em uma cidade litorânea, não me agrada particularmente. No entanto, os sardos não são fáceis de entender, acolhendo como nenhum outro, são reservados e não mostram o seu mundo profundo: mesmo quando você é amigo deles, você não os conhece realmente na realidade. Talvez porque o momento vem na vida de que você precisa de um bom retiro, uma casa da alma, que para mim não era Milão, e certamente não é Abruzzo, da qual eu nunca ouvi falar.

Você pode viver em todos os lugares, mas você não pode se sentir bem em todos os lugares. Chega o momento em que você percebe que é sua alma que deve se sentir bem. E a Sardenha parece-me o único lugar em que sei onde isso pode acontecer. Com todas as suas histórias. Seu passado. Histórias para coletar. Histórias para contar. Porque as histórias da Sardenha estão entre as mais bonitas que já ouvi.

 Aquelas que eu mais gosto. Histórias de ovelhas e pastores. Histórias de bandidos. Mas também histórias de marinheiros. E também histórias antigas de civilizações antigas, cuja memória está quase perdida. Tantas histórias, que você não corre o risco de ouvir sempre as mesmas. E seu povo, com seus comércios improváveis, que não faria sentido em qualquer outro lugar, mas que vai entrar, quase como você não sabia disso, e entrar em seu coração, “m’as foradu coro de” ( mas vai roubar seu coração). E Eu percebo que isso não aconteceu comigo sozinho. Mas, para personagens muito mais ilustres, de Rombo di Tuono a faber, que chegaram à Sardenha, não e nunca mais foram embora.

Eu recomendo aqueles que lêem estas minhas palavras, para ouvir um pouco de música da Sardenha, com a internet é fácil. E assim, através da música, começar uma jornada da alma para descobrir algo que, penso eu, não pode deixar de parecer maravilhoso. Na Sardenha eu nunca estive lá ainda. Mas há pessoas lá que eu preciso conhecer pessoalmente, ou rever, com seus nomes que não são reais, mas evocam melhores fantasias da realidade. Um pouco como quando você come queijo da Sardenha e descobre que há coisas maravilhosas ao seu alcance.”

Di Enzo Gentile
Por Blog Sardegna Sa Terra Mia
Tradução pra o português: Lucinha Dettori

———————————————————————————————————————————————————————————————-

Un giorno ho incontrato questo signore su facebook. E subito il nostro cuore si unirono attorno a una passione chiamata SARDEGNA. e oggi scriviamo il fascino di questa terra mitica. La cosa più incredibile è che lui è italiano, non è mai stato in Sardegna, e io che l’ho amata prima senza aver saputo e scoperto che le mie radici erano bloccate lì…. Due anime lontane dalla Sardegna, che come dice Faber a Andrea Parodi “NON SEI TU CHE DECIDERE A CHE TERRA APPARTIENE, E LA TERRA CHE TI SCEGLIE

Texto Originale.

Enzo Gentil hai scrito ” Mi chiedo perché sono così attratto dalla Sardegna. Così affezionato alla gente sarda. Eppure il mare, nonostante abbia passato metà della mia vita in una località di mare, non mi piace particolarmente. Eppure i Sardi non sono facili da capire, accoglienti come nessun altro, sono riservati, e non ti mostrano il loro mondo profondo : anche quando sei loro amico, inrealtà non li conosci davvero. Forse perché arriva nella vita il momento che hai bisogno di un buen retiro, di una casa dell’anima, che per me non era Milano, e di certo non è l’Abruzzo, che non ho mai sentito mio.

Si può vivere dappertutto, ma non si può stare bene dappertutto. Arriva il momento che ti accorgi che è la tua anima a dover stare bene. E la Sardegna mi appare come l’unico posto che conosca dove ciò può avvenire. Con tutte le sue storie. Il suo passato. Storie da raccogliere. Storie da raccontare. Perché le storie di Sardegna, sono tra quelle più belle che abbia mai sentito.

Quelle che mi piacciono di più. Storie di pecore e pastori. Storie di banditi. Ma nche storie di marinai. Ed anche storie antiche di antiche civiltà, di cui si è quasi perso il ricordo. Così tante storie, che non corri il rischio di ascoltare sempre le stesse. E la sua gente, con i suoi mestieri improbabili, che non avrebbero senso in nessun altro luogo, e che però ti entrano dentro, quasi come non ti rendessi conto, e ti entrano nel cuore, “m’as foradu su coro”, E mi rendo conto che non è capitato solo a me. Ma a ben più illustri personaggi, da Rombo di Tuono a Faber, che arrivati in Sardegna, non ne sono più andati via.

Consiglio chi legge queste mie parole, di ascoltare un po’ di musica sarda, con internet è facile. E cominciare così attraverso la musica un viaggio dell’anima alla scoperta di qualcosa che, credo, non potrà non sembrarvi meraviglioso. In Sardegna non ci sono ancora mai stato. Ma là ci sono persone che devo conoscere di persona, o rivedere, con i loro nomi che non sono reali, ma evocano fantasie migliori della realtà. Un po’ come quando si mangia del formaggio sardo e si scopre che ci sono cose meravigliose a portata di mano.”

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: